Terça-feira
06
novembro
13:00
mala voadora
Deuses a cores
Almoço palestra

Moderação   -  

Natacha Antão

×

O mármore branco dos templos e da estatuária grega e romana é um dos maiores símbolos da Antiguidade Clássica. É esse mármore que vemos nos livros de História de Arte, nos museus, no que sobra dos monumentos, e foi também nesse material que a maioria das peças foram copiadas no Renascimento, no Neoclassicismo e nos diversos revivalismos que a Europa e a América do Norte foram inventando e que ainda hoje continuam a ser replicados. Neste contexto, o mármore branco tornou-se sinónimo do bom gosto, de quem sabia apreciar e rodear-se de referências à Antiguidade. Mas será correto associarmos o branco à estética clássica?

O historiador, professor e arqueólogo Vinzenz Brinkmann, diretor do Departamento de Antiguidade e Ásia da Liebieghaus Skulpturensammlung, explicará nesta conversa como o branco é o resultado do desgaste do tempo – a maioria dos monumentos e estátuas eram intensamente coloridos. Nesta conversa moderada por Natacha Antão, o arqueólogo revelará as descobertas da investigação que lidera há mais de 25 anos e que se dedica a estudar a policromia das esculturas clássicas. A surpreendente aparência original do “nosso” branco é, na verdade, uma ruína, o que coloca também em evidência a natureza provisória da História.


Esta sessão, com almoço incluído, está limitada a 40 pessoas e sujeita a inscrição prévia através do e-mail forumdofuturo@cm-porto.pt, e terá o preço único de 5€.


Em colaboração com mala voadora