09/11/2019
22:00
Rivoli – Café-Concerto
In Memory of Logobi, an Installation on Black Collective Amnesia in France

Aimé Césaire escreveu no seu Discurso sobre o colonialismo: “Para nós, a escolha está feita. Estamos entre aqueles que se recusam a esquecer. Estamos entre os que recusam a amnésia como método.”
De forma a tornar visível a narrativa e a atualidade de uma história deliberadamente esquecida – a de um estilo de música que combina o hard-tech belga com o coupé-décalé, um género de dance music originário da Costa do Marfim e da diáspora marfinense em Paris – a produtora, DJ, escritora e artista CRYSTALLMESS apresenta o projeto multidisciplinar In Memory of Logobi. Em França, a assimilação e a amnésia coletiva estão institucionalizadas; e embora o país tenha a maior percentagem de população negra na Europa, a contribuição desta para o clubbing, e para a cultura em geral, é completamente desprezada. Nesta performance, que inclui um DJ-Set e uma composição audiovisual (com vídeos, GIFs, imagens de arquivo e digitalizações 3D), a artista pretende estabelecer um mapeamento multidimensional do Logobi, explorando o cruzamento entre alienação pós-colonial, tecnologia e cultura “faça-você-mesmo” numa abordagem pós-moderna da etnomusicologia. Qual a ligação entre o golpe de estado de 1999 na Costa do Marfim, os motins de 2005 em França e a Techno Parade de 2007 em Paris? É justamente aqui que a memória do Logobi vem revelar a intersecção de eventos e a ausência de coincidências históricas.