Segunda-feira
05
novembro
19:00
Rivoli - Palco do Grande Auditório
O império da dívida

Moderação   -  

Pedro Levi Bismarck

×

A dívida foi usada como uma das maiores armas políticas na expansão dos impérios na Antiguidade, não apenas no Mediterrâneo, mas também na China ou na Índia. Tanto pública como privada, a dívida tornou-se uma preocupação central para os seus líderes, o que intensificou de forma transversal os mecanismos de exploração e de dominação de classes e alterou para sempre a conceção do valor da vida humana. Continuamos reféns deste regime financeiro com raízes na Antiguidade?


Maurizio Lazzarato, filósofo, sociólogo e um dos maiores críticos do capitalismo na atualidade, falará, nesta conversa moderada pelo arquiteto Pedro Levi Bismarck, de como a dívida, cada vez mais presente na nossa sociedade global, desvia a luta de classes do confronto entre o capital e o trabalho para a oposição entre credores e devedores. Segundo o filósofo, a recente derrocada do sistema financeiro operou uma rutura no modelo neoliberal, abrindo uma fase nova e mais intensa de instabilidade política – todos são “devedores”, culpados e responsáveis face ao capital. A polarização da distribuição de riqueza e património e a “crise da dívida” conduzem à emergência da figura do homem endividado, e à perigosa conversão das suas frustrações e medos numa subjetividade recetiva a ideias racistas, sexistas e radicalismos identitários.


Tradução simultânea